• Raja bate Atlético-MG e repete Mazembe

    Marroquinos encaram o Bayern de Munique na final desse sábado

    Atualizado em 18/12/2013 - 20:02

    Raja bate Atlético-MG e repete Mazembe

    O sonho do Galo de conquistar o mundo se desmantelou nesta quarta-feira. Favorito a uma vaga na final do Mundial de Clubes, contra o Bayern de Munique, o Galo jogou abaixo das expectativas e sucumbiu diante do Raja Casablanca por 3 x 1, em Marrakech, no Marrocos.

    Com maior posse de bola, o Galo não conseguia inflitrar com qualidade no bom sistema defensivo do Raja. Dependia muito da criatividade de Ronaldinho, pouco inspirado no duelo. O primeiro tempo acabou 0 x 0, apesar de uma sutil superioridade atleticana.

    O segundo tempo começou pavoroso para o Galo. Num dos muitos contra-ataques do Raja, saiu o primeiro gol da partida. Aos 6 minutos, Iajour recebeu na velocidade, ganhou de Lucas Candido na corrida e bateu chapado, rasteiro, no canto direito de Victor: 1 x 0.

    Atrás no placar, Cuca mudou. Colocou Leandro Donizete e Luan nos lugares de Josué e Marcos Rocha, respectivamente. Com isso, o Galo cresceu na partida. Numa dessas chegadas ao ataque, Fernandinho, outro que teve participação apática no jogo, sofreu falta na entrada da área. Aos 20 minutos, Ronaldinho bateu no canto de Askri, a bola explodiu na trave e morreu no fundo das redes. Tudo igual.

    Mas a reação do Galo duraria pouco. Surpreendentemente, o Raja passou a comandar as ações ofensivas. Aos 37, Réver fez pênalti em Iajour, Na cobrança, Moutouali deslocou Victor e fez 2 x 1. No desespero, o Galo foi à frente em busca do empate. Pior, tomou o terceiro, com Madibe, aproveitando rebote de chute de Moutouali.

    Assim, o Raja repete o Mazembe, que, em 2010, despachou o Inter e enfrentou a Inter de Milão na final do Mundial, quebrando uma sina de times africanos. No sábado, os heróicos marroquinos enfrentam o Bayern de Munique, em Marrakech.

    (Fonte/Foto: Placar)



    Veja mais notícias sobre o Atlético-MG >